Ofertas

Pedra rosa planta: plantio e cuidado em campo aberto


A rosa de pedra, que tem outro nome - jovem, pertence às plantas suculentas da família Tolstyankov. Pela forma e disposição das folhas, lembra uma rosa verde que cresce diretamente do chão. As pessoas costumam chamar essa planta de "tenaz", pois essa flor resistente e vigorosa pode crescer até em pedras e tolerar quaisquer condições climáticas. Devido à sua aparência incomum e espetacular, a planta é frequentemente usada no projeto paisagístico para decorar slides alpinos, caminhos e jardins.

Descrição de uma rosa de pedra

Na natureza, os juvenis podem ser encontrados no leste e sul da Europa, na Ásia Menor, bem como no leste da Rússia e no norte do Cáucaso. Seu local de crescimento favorito é o terreno montanhoso, florestas de pinheiros e áreas rochosas com solo arenoso.

Esta flor incomum pertence às plantas perenes. Possui folhagem espessa e suculenta de cor verde claro, que forma rosetas redondas com um diâmetro de dois a quinze centímetros. As folhas de uma rosa de pedra são alongadas, com uma ponta afiada e pequenas serrilhas nas bordas. A planta tem brotos longos nas laterais, nos quais há pequenos brotos de folhas jovens. As hastes são retas e cobertas com um canhão duro.

O crescimento jovem começa a florescer no verão, no terceiro ano de vida. As flores podem ter as cores mais diversas, dependendo da variedade de plantas: roxa, vermelha, amarela, branca, rosa. A floração começa em julho e dura 1,5 meses. Depois disso, uma rosa de pedra geralmente morre, mas deixa para trás muitas plantas jovens.

Variedades de flores exóticas

Mais de 700 espécies dessa cultura são conhecidas no mundo, cerca de cinquenta delas crescem na Rússia. Entre essas plantas, muitos híbridos são quase indistinguíveis um do outro. As flores podem ter uma cor e forma diferentes, dependendo da época do ano e das condições em que precisam crescer.

As seguintes plantas podem ser atribuídas às variedades populares de rosas de pedra:

  1. Coberturas. O tipo mais comum de jovem. Na natureza, pode ser encontrado na Europa Ocidental e Oriental, Ásia, África. Esta planta é usada algumas vezes para decorar os telhados de casas particulares. As rosetas da flor têm a forma de uma bola e, em corte transversal, podem atingir de 8 a 16 cm. As folhas são suculentas e densas, alongadas, vermelho-marrom na parte superior. A planta começa a florescer no início de agosto, inflorescências rosa-vermelha, localizadas em pedúnculos longos.
  2. Russo. Esta espécie cresce na Ásia Menor, bem como nas estepes e florestas de nossa terra natal. As folhas têm uma cor verde clara e uma forma oval com uma ponta afiada no final. As rosetas podem atingir 6 a 7 cm de diâmetro e a floração começa no verão e dura 1 mês. Neste momento, pequenos brotos amarelos aparecem na planta.
  3. Wulfen. Essa variedade é freqüentemente encontrada nos Alpes, pois essa flor prefere as regiões rochosas e montanhosas da Europa. As folhas verdes são pintadas em um tom vermelho claro em sua base e formam pequenas rosetas, com cerca de 4-5 cm de diâmetro. Os rebentos são bastante rígidos e longos. No verão, botões amarelos-bordô aparecem nos pedúnculos.
  4. Cobwebby. Cresce em grandes quantidades nas montanhas da Europa, bem como no norte do Cáucaso. A planta recebeu esse nome devido à presença de cotão nas folhas, que se assemelha fortemente a uma teia de aranha. As pequenas lojas têm uma forma redonda, no verão são verdes e, mais perto do outono, adquirem uma tonalidade bordô e são cobertas com fios macios. Em julho, inflorescências vermelhas brilhantes se formam nos pedúnculos, que encantam os olhos com sua beleza por um mês.
  5. De mármore. As folhas desta suculenta são coloridas com manchas rosa e verdes com uma borda branca ao redor das bordas. Com o início do inverno, algumas variedades de plantas ficam completamente vermelhas. Em uma rosa jovem, a folhagem é coberta com um cotão leve e, em uma flor adulta, possui uma superfície lisa.
  6. Anão ou pequeno. Um jovem - uma planta muito pequena. O diâmetro das rosetas não excede 3 cm e as folhas são pontiagudas, de cor verde-rosada. A planta floresce com botões vermelhos escuros com uma tonalidade roxa. Seu lugar favorito de crescimento são as montanhas rochosas do Cáucaso e dos Alpes.
  7. Esférico. Esta flor é encontrada nas regiões montanhosas do Cáucaso e da Turquia. Suas folhas têm um tom verde claro, com pontas vermelhas. As rosetas da planta são pequenas, com cerca de 5 cm de seção transversal. A floração continua de julho a agosto, quando os botões amarelos florescem em um jovem esférico.
  8. Calcário. Grau muito eficaz de uma rosa de pedra. A flor possui folhas finas e pontiagudas de cor verde-azulada com pontas marrons escuras. A planta floresce no meio do verão, com belas inflorescências de um tom rosa claro.
  9. Fugitivo ou Scion. Essa variedade de crescimento jovem é generalizada nas florestas de pinheiros da Europa e da Rússia. As rosetas pequenas têm uma forma esférica e um tamanho de 4-5 cm. As folhas são carnudas e resistentes, de cor verde com pontas afiadas. A planta floresce de julho a agosto, flores amarelo-esverdeadas.
  10. Montanha. As rosetas da planta são de tamanho pequeno (cerca de 3 cm) e de cor verde claro. Suas flores são exuberantes e delicadas, pintadas de rosa e dispostas em pequenos grupos. As suculentas desta espécie são frequentemente encontradas em florestas da Europa Oriental e Ocidental.
  11. Caucasiano. A folhagem desta flor é pintada de verde brilhante com pontas escuras. O período de floração começa no meio do verão, quando as inflorescências vermelho-violeta aparecem na planta. Uma cultivar tão jovem cresce bem nas montanhas do norte do Cáucaso, em solo pontilhado de pedras.

Em condições naturais e na horta, o crescimento jovem é capaz de crescer rapidamente, cobrindo grandes áreas da terra com carpete. Portanto, muitos cultivadores de flores cultivam com prazer esta planta para fins decorativos; além disso, a flor é bastante despretensiosa e é absolutamente simples e agradável cuidar dela.

Plantio e cuidado ao ar livre

Devido à sua aparência espetacular, essa planta será, sem dúvida, um ornamento de canteiros de flores, caminhos e gramados em seu jardim. Como a flor não requer cuidados complicados e possui um pequeno sistema radicular, pode ser plantada em locais inacessíveis e incomuns. Podem ser pequenos espaços entre pedras, espaços estreitos entre composições esculturais, vasos largos, panelas e até sapatos velhos. Vamos considerar com mais detalhes as características de uma rosa de pedra, plantando e cuidando dela.

Seleção do local e preparação do solo

Os jovens são muito bons em se adaptar às mudanças climáticas. A planta pode suportar o calor do verão e fortes geadas no inverno. Mas, para que ele se sinta confortável e aconchegante em seu jardim, é melhor escolher o local mais iluminado do local para a flor. Deve-se ter em mente que uma rosa cultivada sob o sol brilhante terá um tamanho pequeno e um rico tom de folhas, e na sombra a planta será maior, mas um pouco pálida. Portanto, não é recomendável plantá-lo perto de arbustos e árvores, pois a sombra deles pode esconder a suculenta do sol.

Em condições naturais, o crescimento jovem prefere crescer nas encostas das montanhas, cobertas de pedras, em solo contendo uma grande porcentagem de argila e areia. Para criar condições semelhantes, esta flor deve ser plantada em solo claro e arenoso e não deixe de fornecer uma boa drenagem. Para isso, pequenos seixos, argila expandida ou cascalho pequeno podem ser adequados. Antes de plantar fertilizantes no solo, não é necessário adicionar, pois um ambiente ácido pode afetar adversamente o crescimento da planta.

Plantio de suculentas

O plantio de rosas em uma horta deve ser realizado na primavera e no verão, para que a planta tenha tempo de criar raízes em um novo local e esteja pronta para o clima frio. Primeiro você precisa preparar o solo: solte bem, limpe as ervas daninhas e dilua com areia ou pedras pequenas. Em seguida, faça pequenos buracos, onde serão plantadas mudas. Você pode plantar as sementes da planta, mas depois ela crescerá muito lentamente.

A distância entre as saídas deve ser de cerca de 20 cm, para que brotos subsequentemente jovens possam crescer livremente. Se você decidir plantar um juvenil anão, entre as flores, é melhor deixar um espaço de 5 a 7 cm.As plantas jovens devem ser colocadas rasas nos buracos, juntamente com um pedaço de terra nas raízes, depois cubra cuidadosamente com terra e tampe levemente. Depois disso, as mudas devem ser regadas.

Regras para cuidados com as plantas

Apesar da aparência peculiar e incomum da flor, cuidar dela é bastante simples e não levará muito esforço e tempo. Mas, para que a planta se desenvolva rapidamente e se sinta confortável, cuidando dela, você deve seguir as seguintes regras:

  1. As suculentas raramente precisam ser regadas., pois o alagamento do solo levará ao apodrecimento das raízes. No verão, uma vez a cada 7 dias é suficiente, e no inverno apenas quando necessário. É muito importante garantir que a água não entre nas saídas, pois isso pode levar à deterioração das folhas, principalmente com o aparecimento de dias frios. Para evitar consequências negativas, a água deve ser derramada perto da planta, suas raízes absorvem a quantidade necessária de umidade.
  2. Certifique-se de limpar periodicamente o solo das ervas daninhas ao redor das flores. A erva daninha pode impedir que a planta cresça, então você precisa liberar lugar para rosas jovens. Isso deve ser feito regularmente e com cuidado, tomando cuidado para não danificar as pequenas tomadas.
  3. Não é necessário alimentar a planta, uma vez que o excesso de nutrientes pode afetar a cor e o crescimento dos jovens e também prejudicar sua saúde. A fertilização no solo é possível apenas 3-4 anos após o plantio. Para isso, misturas especiais para alimentação de cactos são adequadas.
  4. Umidade para uma flor não importa. Portanto, ele não precisa de pulverização e, na estação quente, pode até causar danos, pois gotas de água podem queimar as folhas da planta suculenta. Limpe as folhas também não é recomendado, pois elas são cobertas com um filme especial que as protege.
  5. O degelo é uma planta resistente ao gelo e pode perfeitamente inverno sob uma cobertura de neve. Mas é melhor cobrir a flor no período frio, especialmente se ela foi plantada recentemente e não teve tempo de crescer forte. Para fazer isso, você pode usar folhagem de outono e galhos de coníferas.

O transplante de uma flor incomum não é recomendado, pois não tolera esse processo. Mas, se necessário, você pode cavar cuidadosamente uma planta em solo úmido e, com um pedaço de terra, plantá-la em um local preparado. Vale a pena considerar que o juvenil não tolerará transplantes frequentes.

Doenças e pragas de uma rosa de pedra

O crescimento jovem tem uma imunidade bastante forte; portanto, na maioria das vezes surgem doenças devido a cuidados inadequados. E também existem alguns tipos de insetos que podem prejudicar bastante a planta. As doenças e pragas mais comuns da pedra suculenta incluem:

  • Deterioração do sistema raiz e soquetes. O motivo é o alagamento do solo. Nos primeiros sinais de decadência, a parte afetada da flor deve ser cortada, a planta desinfetada e depois transplantada para outro local. Se esse problema afetou as raízes, a rosa deve ser destruída para que a doença não se espalhe para flores saudáveis.
  • Ervas daninhas. Grama desnecessária, que pode germinar entre rosetas suculentas, pode privá-las de água e nutrientes contidos no solo. Se houver muitas ervas daninhas, elas podem obscurecer a planta ornamental, o que afetará muito sua aparência e saúde. Portanto, é necessário remover ervas daninhas regularmente da pedra rosa.
  • Chafer. As larvas desta praga são capazes de comer a planta, fazendo movimentos longos nela. Nesse caso, os jovens devem ser transplantados para outro canteiro de flores e o solo deve ser tratado com preparações químicas que ajudarão a se livrar dos insetos.

O desbaste pode ser uma maravilhosa decoração do jardim, que você passará um tempo mínimo. Solo adequado e rega moderada é tudo o que ele precisa do proprietário. Além disso, com a ajuda de uma planta exótica, você pode criar muitas composições interessantes que realmente adornam seu exterior e encantam hóspedes e vizinhos.


Video, Sitemap-Video, Sitemap-Videos