Conselho

Poda de viburnum e formação de arbustos


O viburno de poda tem como objetivo dar um ótimo efeito decorativo, porque na natureza essa cultura pode ser encontrada mais frequentemente em uma forma alta. Existem vários tipos de poda, cada um com uma finalidade e um momento específicos.

É possível cortar o viburno

Apesar do viburnum ser uma cultura comum de crescimento selvagem, hoje ele pode ser encontrado em lotes pessoais e territórios adjacentes. A origem "selvagem" do viburnum se faz sentir através da formação constante de crescimento radicular e espessamento ativo dos ramos.

A vida selvagem da cultura leva ao sombreamento da camada inferior, plexo dos ramos laterais e entupimento do arbusto com crescimento descontrolado da raiz. Como resultado da falta de iluminação, ventilação e umidade elevada, forma-se um ambiente confortável para o desenvolvimento de doenças fúngicas e bacterianas.

É necessário cortar o viburno não só para lhe dar um aspecto estético e protegê-lo do ataque de fungos, mas também para preservar a futura colheita.

O cuidado adequado prolongará a vida útil do viburno em até 25 anos

Quando cortar o viburnum comum

A poda comum de Viburnum pode ser realizada no outono, na primavera e no verão, mas é o dar forma ao arbusto no outono que é preferível. O fato é que nesse período cessa o fluxo de seiva, caem as folhas e a cultura começa a se preparar para o inverno. No outono, é feita a poda sanitária, durante a qual se cortam os galhos doentes, ressecados e danificados.

A formação muito intensa do viburno comum pode levar ao congelamento na estação fria, portanto, na véspera do inverno, você não deve cortar muito o arbusto.

Na primavera, um procedimento de modelagem e rejuvenescimento é realizado. Nos primeiros quatro anos, quando a cultura cresce mais intensamente, é imperativo cortar o viburno. Posteriormente, é suficiente manter o estado estético da coroa verde.

É possível cortar viburnum no verão

Muitos jardineiros novatos estão preocupados com a questão de saber se é possível cortar o viburno comum no verão. Este período é adequado para afinar a copa e eliminar áreas espessadas nas quais podem ser encontrados pulgões e outras pragas.

Regras e esquemas para podar viburnum

Os tipos de poda do viburnum comum dependem não só da variedade, mas também da idade da planta. Portanto, a muda deve ter tempo para adaptação e enraizamento bem-sucedido. Em média, esse período é de dois anos. Durante este período, os rebentos jovens são apenas pinçados e uma poda formativa completa é realizada no terceiro ano.

Para arbustos adultos de Viburnum vulgaris, é organizada uma formação adelgaçante e rejuvenescedora. Certifique-se de remover os galhos que crescem para dentro, verticalmente, transversalmente, bem como os brotos de segunda ordem.

Além disso, todos os caules são regularmente encurtados em um comprimento e o crescimento da raiz inferior é cortado. Isso permite que você mantenha a forma estética da bucha.

Ao plantar uma muda jovem no outono, é necessário cortar quase todos os seus brotos, deixando alguns brotos diretamente acima do solo. As hastes germinadas no ano seguinte são pinçadas no nível superior, deixando um comprimento de no máximo 30 cm.

Viburnum vulgaris frutifica nas plantas anuais

Todos os brotos de raiz devem ser cortados, mas os brotos mais fortes são deixados e encurtados em cerca de um terço. Isso estimula a ramificação lateral e permite que você dê ao arbusto de Viburnum vulgaris a forma desejada. Este procedimento é realizado anualmente.

Além do crescimento dos ramos laterais, é necessário controlar os principais ramos centrais. Para isso, podem atingir o comprimento desejado, após o qual são limitados em crescimento, ou seja, são podados.

O algoritmo de formação de outono é a seguinte sequência de ações:

  1. Remova os galhos fracos que não suportam o peso da neve.
  2. Corte os brotos secos.
  3. Ao modelar, faça um corte diretamente acima do botão de modo que fique direcionado "para longe do arbusto".
  4. Corte o galho quebrado "sob o toco".
  5. Todas as seções maiores que 1 cm devem ser processadas - cobertas com verniz de jardim.

Não há nada complicado no corte de cabelo do viburno comum. Até mesmo um jardineiro novato pode realizar esse procedimento.

Quais ferramentas e materiais serão necessários

Antes do trabalho, você deve preparar ferramentas de corte especiais. Pode ser uma serra, um cortador ou um podador. Cada jardineiro decide por si mesmo o que é mais conveniente. É desejável que a lâmina das facas seja de aço de alta qualidade. Isso protegerá a ferramenta contra ferrugem prematura.

Antes de iniciar o procedimento, os instrumentais devem ser bem afiados e tratados com álcool para desinfecção adicional. Para proteger os cortes, use uma massa especial ou var.

Como cortar um arbusto viburno

Existem vários tipos de poda viburnum comuns. A escolha do tipo ideal de formação depende da variedade, objetivos e época do ano.

Poda Sanitária

A poda sanitária é realizada após o término da safra. Para fazer isso, exclua os seguintes tipos de branches:

  • quebrado;
  • afligido por doenças;
  • seco;
  • não cachos caídos de bagas.

Durante a formação de outono, não remova muitos ramos, caso contrário, isso levará a uma diminuição na resistência à geada.

Poda de desbaste

No verão, o viburnum comum é aparado para evitar o engrossamento dos galhos. O melhor momento para o procedimento é o momento após o aparecimento das folhas, quando os ovários das futuras inflorescências ainda não se formaram.

Para realizar a poda, deve-se examinar cuidadosamente o arbusto, localizar todas as áreas espessadas e retirar o excesso de galhos. Em primeiro lugar, corte os rebentos que crescem para dentro e para cima. Remova também ramos que estão muito próximos uns dos outros.

Poda rejuvenescedora de viburnum antigo

A falta de formação regular afeta não apenas o aparecimento do viburno comum, mas também sua frutificação. O atraso no desenvolvimento pode ser observado no sexto ano. A poda do viburno no outono visa o rejuvenescimento da cultura.

Galhos crescidos são gradualmente removidos cortando-os sob a raiz com uma serra de jardim. Cerca de um ou dois ramos velhos são cortados por ano, não mais. Este procedimento permite rejuvenescer o arbusto e estimular a produção futura.

Com a poda adequada, os brotos velhos serão substituídos por um crescimento jovem e forte

O período médio de rejuvenescimento é de dois a três anos. Durante este período, o arbusto viburno comum poderá se renovar completamente.

Em alguns casos, é impossível rejuvenescer o viburno. Se houver frutos muito pequenos nos arbustos para dois anos, isso sugere que a planta já tem mais de 25 anos, então não faz sentido fazer poda anti-envelhecimento. Nesse caso, é mais conveniente arrancar a cultura.

Quando o viburno se forma em forma de árvore, todo o tronco é cortado, deixando vários brotos de raiz em crescimento, após os quais crescem novamente e se forma uma cultura.

Formação em forma de arbusto

A principal tarefa ao podar em forma de arbusto é manter o esplendor e o multilateralismo da cultura. Viburnum vulgaris é conveniente em termos de modelagem. As tesouras de poda serão suficientes para dar à planta a forma desejada.

Durante a poda de arbustos, a camada inferior de galhos é cortada e, em seguida, as inflorescências murchas. Os rebentos que crescem para dentro ou para cima são completamente removidos. Nesse caso, as fatias devem estar localizadas acima dos nós, de onde as flores devem surgir no próximo ano.

Quando são encontradas "manchas calvas" no arbusto, encontra-se um ramo crescendo na direção dessa "fenda", após o qual é cortado de forma que o crescimento do botão seja direcionado para um espaço vazio. No ano seguinte, após o surgimento de um novo broto, esse defeito será eliminado.

A poda de viburnum e sua modelagem na forma de um arbusto estão associadas à remoção regular do crescimento da raiz. Dos brotos centrais, restam sete a oito dos mais fortes, após os quais o crescimento dos ramos laterais é direcionado. Eles são cortados anualmente no comprimento desejado. Este método de formação é ideal para uma cultura de frutificação.

Formando na forma de uma árvore

Quando se formam na forma de uma árvore, os brotos das raízes devem ser removidos quase completamente. O tronco central é deixado e a coroa eventualmente recebe a forma desejada. Na maioria das vezes é redondo. A forma da árvore é mais decorativa. Além disso, graças a ela, o viburno comum ocupa muito menos espaço no local.

Em alguns casos, especialmente com uma colheita abundante e folhagem, a copa pode ser tão pesada que danificará o tronco. O problema é resolvido com a instalação de suportes adicionais.

O rendimento do Viburnum vulgaris na forma de uma árvore é inferior ao de uma colheita cortada na forma de um arbusto

Cuidado depois da poda

Após o procedimento de modelagem, é necessário processar todas as seções frescas com uma solução de sulfato de cobre e deixá-las secar bem. Só depois podem ser “fechadas” com um terreno ajardinado.

Na poda de Viburnum vulgaris em clima seco e quente, a cultura deve ser bem regada, pois o procedimento de formação é estressante para a planta.

Conclusão

A poda Viburnum é um procedimento muito simples e comum que visa criar um aspecto decorativo e manter a qualidade da colheita. Deve ser realizado regularmente. Só neste caso o arbusto ou a árvore irão deliciar o proprietário com uma floração exuberante e frutos saudáveis.


Assista o vídeo: Poda de arbustos (Janeiro 2022).

Video, Sitemap-Video, Sitemap-Videos